Quanto eu devo contribuir no INSS, veja tabela!

O INSS é um órgão muito importante, pois permite o pagamento do benefício da aposentadoria. Existem muitas categorias de contribuição do recurso, por isso, muita gente acaba ficando em dúvida quanto ao valor da contribuição. Se você não sabe como funciona este cálculo, leia o texto a seguir e beja quanto deve contribuir de acordo com a tabela do INSS:

A aposentadoria

A aposentadoria é um dos direitos mais importantes para o trabalhador brasileiro, pois grande tranquilidade financeira sem a necessidade de estar concorrendo no mercado de trabalho para quem já está na terceira idade.

Existem diversas categorias de aposentadoria, seja ela por contribuição ou invalidez permanente. Os requisitos para a aposentadoria regular são: ter idade mínima de 65 anos para homens e 60 anos para mulher; ter um total de 180 contribuições.

O valor a receber pelo benefício pode depender de diversos fatores, mas o principal é a média de contribuição que você efetuou durante a vida. Para entender melhor, conheça as categorias do INSS:

Categorias do INSS

As contribuições do INSS são divididas em algumas categorias e para saber quanto você deverá pagar, é preciso saber em qual das modalidades você se encaixa.

Para o empregado doméstico, segurado empregado e trabalhador avulso são cobrados respectivamente 8, 9 e 11% da remuneração mensal. Enquanto aqueles que trabalham por intermédio da carteira assinada, recebem o desconto automático.

Quem não trabalha por intermédio da carteira assinada, mas é autônomo ou MEI, pode contribuir com o INSS de forma independente. Este recurso é chamado de INSS autônomo.

O calculo de contribuição para quanto você irá pagar, depende da sua remuneração bruta mensal. Este valor sabe depende diretamente do salário mínimo 2019.

Veja abaixo, o valor de contribuição da tabela INSS para a categoria de contribuinte individua ou autônomo:

Código

Descrição Valor
Até o dia 15

1007 / 1406

Contribuinte individual / Facultativo mensal
20%

R$ 190,80

1163 / 1473

Contribuinte Individual / Facultativo opção **
11%

R$ 104,94

1929 Facultativo de baixa renda
(atividades do lar na própria residência)5%

R$ 47,70

Como contribuir?

Quem deseja contribuir na categoria do INSS individual, deve saber que é necessário antes fazer o cadastro no Programa de Integração Social (PIS).

Depois,você precisará escolher o seu tipo de contribuição, no caso a individual. Na Previdência Social, você irá preencher a Guia da Previdência Social (GPS) para gerar uma guia de pagamento.

A partir dai, você fará os pagamentos do valor mensalmente. O calculo de contribuição será efetuado no momento da escolha de categoria, mas você pode verificar a tabela do INSS para se basear.